Crianças e adultos, por vezes, apresentam resfriados ou gripes constantemente, e um dos inúmeros sintomas dessas doenças é a tosse. Com isso, as vovós e os mais velhos indicam uso dos xaropes caseiros, mas será que é indicado para crianças e bebês?

Então, vamos lá!

Não é recomendável nenhum tipo de xarope caseiro feito com produtos naturais (lambedor) para crianças menores de 6 meses, e nem lambedores que contenham guaco e/ou mel para crianças menores de um ano, devido ao potencial anticoagulante da cumarina presente nas folhas de guaco (capaz de provocar acidentes hemorrágicos quando uso prolongado) e o potencial risco de transmissão do botulismo através do mel.

Para crianças maiores de um ano, o uso de plantas medicinais deve ser realizada com cautela, pois a função renal e hepática nesta faixa etária ainda está em fase de amadurecimento e a oferta indiscriminada de chás e xaropes caseiros feitos com produtos naturais (lambedor), poderá acarretar em graves consequências.

E crianças maiores de um ano?

Para crianças acima de 1 ano, não há na literatura científica indicações de receita pronta. Por se tratar de um saber popular, as receitas de lambedores dependem muito da cultura. É importante se atentar a quantidade de açúcar para não desencadear obesidade infantil, cárie dentária e demais complicações, pois o consumo de açúcar é desnecessário e deve ser evitado nos dois primeiros anos de vida da criança.

 

Fonte:

1. Brasil, Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Saúde da criança: crescimento e desenvolvimento. Departamento de Atenção Básica. (Cadernos de Atenção Básica, 33). Brasília: Ministério da Saúde, 2012. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_crianca_crescimento_desenvolvimento.pdf. Acesso em: 18/01/2019.

2. Brasil, Ministério da Saúde. Atenção Primaria à Saúde. Disponível em: http://aps.bvs.br/aps/que-receitas-de-xarope-caseiro-com-efeito-expectorante-podem-ser-recomendadas-para-criancas-menores-de-1-ano/?post_type=aps&l=pt_BR. Acesso em: 18/01/2019.