O nascimento de um bebê é sinônimo de vida nova e confraternização, porém, esse momento especial requer atenção de parentes e amigos em relação às primeiras visitas.

O recém-nascido precisa ficar em um ambiente tranquilo. Muitas pessoas exageram no ‘carinho’ podendo trazer problemas ao recém-nascido.

A primeira visita na maternidade deve ser limitada a parentes próximos, como o pai, avós e irmãos, pois é um momento de recuperação da mãe e maior atenção à vida do bebê. As primeiras 24 horas do recém-nascido são bastante delicadas, pois é um período geralmente de estabilização imunológica

Os primeiros cuidados ao visitar a criança devem ser higiene das mãos; evitar o uso de telefone celular, câmeras fotográficas são incômodas, pois a luz do flash pode causar desconforto para a criança ou despertá-la, não utilize perfumes fortes isso pode irritar e incomodar o bebê.

Se o quarto do bebê for pequeno as visitas devem ser organizadas para que não forme uma aglomeração em volta do bebê.

Esse tipo de ocasião favorece a transmissão de microrganismo e o excesso de barulho, pode causar um estresse ao recém-nascido.

A mãe também precisa de cuidados e tranquilidade, neste período ela está frágil e com o sono alterado e interromper o descanso da mãe e seu bebê pode sobrecarregá-la.

Nos primeiros meses de vida do bebê evite locais aglomerados, mal ventilados e ambientes com pessoas doentes.

Enfª Orientadora Kelly Santos Silva

Fonte:

Secretária da saúde de São Paulo. Visitas ao Recém Nascido. http:// www.saude.sp.gov.br/ses/noticias/2011/julho/visitas-a-recem-nascidos-requerem-etiquetaespecial.