Rinite é a inflamação aguda ou crônica, infecciosa, alérgica ou irritativa da mucosa nasal,  em sua maioria, são causadas por vírus.

Porque isso acontece?

Ao contrair resfriado, gripe e até mesmo em casos de alergias (como a renite) os seios nasais reagem e produzem os mucos. Se esse muco for infectado por alguma bactéria ou vírus, isso pode evoluir para a sinusite.

Sintomas

  • Aguda: Acontece obstrução nasal (com secreção ser esverdeada, amarelada e às vezes sanguinolenta), causando febre, tosse, dores musculares, perda e apetite e principalmente dores de cabeça e em toda região do rosto.
  • Crônica: Os sintomas são parecidos. Ocorre excesso de tosse pela manhã, dores de cabeça (geralmente ficam aumentadas á noite devido o movimento da secreção), a dor na face e a febre podem ser ausentes.

Diagnostico

Geralmente o médico diagnostica a sinusite após o exame físico, juntamente com o resultado do exame de raiox de seios da face. Em alguns casos o médico pede uma tomografia computadorizada de seios da face, é um exame mais especifico.

Em casos de repetição ou crônicos já diagnosticados, devem ter acompanhamento especializado com otorrinolaringologista, ele fará uma avaliação imunológica e irá pesquisar a presença de fungos (os fungos podem alojar-se na cavidade nasal, além de sinusite, pode trazer sérias complicações).

O que fazer para melhorar?

  • Tomar bastante água
  • Aplicar soluções nasais nas narinas algumas vezes ao dia
  • Evite ar condicionado
  • Banhos quentes podem ajudar no alivio de dor na face

Busque atendimento médico. O uso de medicações sem prescrição  médica pode piorar o quadro da doença.

Complicações

Se não tratado pode evoluir para sinusite crônica e infecções respiratórias mais graves.

Fonte: BRASIL. Ministério da Saúde. Caderno de Atenção Basica. Doenças Respiratórias Crônicas. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/doencas_respiratorias_cronicas.pdf. Acesso em: 05/01/2018.