A saúde bucal durante o pré natal é tão importante como qualquer outro cuidado durante a gestação. Na gravidez  acontecem alterações hormonais e isso favorece a proliferação de bactérias e problemas bucais.

Assim que descobrir, é fundamental que, além do pré-natal com o obstetra, a mulher faça também um pré-natal odontológico para que a saúde bucal da gestante seja mantida.

A gengivite (sangramento da gengiva) por exemplo, é muito comum na gestação por variação dos níveis hormonais. Por isso, adote um hábito diário de cuidados com sua saúde bucal. Utilize fio dental diariamente  e uma escova de dente macia com creme dental.

Fique atenta! A periodontite é um processo inflamatório que envolve todo o tecido do dente, quando não tratada corretamente pode levar a um parto prematuro e aborto.

Na gestação não é indicado realizar grandes tratamento dentários, por isso, deve manter bons hábitos de higiene. A falta desses cuidados pode causar descalcificação da estrutura de seus dentes, o que os tornará frágeis com a possibilidade de quebra, além da ocorrência de cáries e gengivites.

Conforme o Ministério de Saúde, os problemas bucais mais comuns na gravidez são:

  • Cárie dentária;
  • Erosões no esmalte dentário;
  • Sensibilidade e sangramento gengival;
  • Mobilidade dentária e outros;

Dicas importantes:

  • Escovar os dentes pelo menos 3 vezes ao dia após as refeições. Isso ajudará a evitar caries e gengivite.
  • Fio dental deve ser utilizado pelo menos 1 vez. Deve ser utilizado com cuidado para evitar o sangramento gengival.
  • Quando perceber sangramentos frequentes deve buscar atendimento com o dentista para avaliação;
  • O uso de enxaguante deve ser sem álcool e preferencialmente sem sabores fortes para não causar enjoos.