Observou presença de placas de cor branca na língua ou dentro da boca do seu bebê?

Cuidado, pode ser a candidíase oral, também chamada popularmente de “sapinho”.

O “sapinho” é uma infecção, por um fungo, o Candida albicans. Atinge crianças em todas as idades, mas é mais comum em bebês.

Esse fungo existe na flora e no sistema digestório, mas, devido às mudanças hormonais ou a utilização de antibióticos, ou pela criança, ou pela mãe, lembrando que, no caso da mãe é quando essa criança mama em seu peito, pode causar este desequilíbrio, e consequentemente a infecção.

Se perceber que seu bebê chora muito enquanto mama, ou quando chupa a chupeta, e se você perceber que em sua boquinha existem placas esbranquiçadas, principalmente nas laterais internas na boca, é preciso ir ao médico para que ele possa avaliar e adotar a conduta correta.

Importante! As placas não devem ser removidas agressivamente, pois pode causar sangramento e levar ao aparecimento de úlceras dolorosas.

E o tratamento?

Antes de mais procure por avaliação médica. Geralmente o tratamento é à base de antifúngico oral. Vale ressaltar que é de extrema importância que o tratamento seja levado até o fim, tendo como objetivo evitar novas reincidências.

Cuidados importantes:

  • Em bebês menores que ainda mamam no peito, observar os mamilos da mãe;
  • Deve-se limpar a boquinha do bebê após cada mamada, para eliminar os resíduos de leite;
  • É importante a lavagem das mãos antes e após a manipulação do bebê;
  • Atenção nas trocas de chuchas nos entre as crianças (creche);
  • Em crianças maiores, ferva os talheres, os pratos e os copos;
  • Chupetas, mamadeiras e objetos que a criança possa levar à boca devem ser fervidos ao menos uma vez por dia.

Fique atenta e volte ao médico caso não perceba a cura completa.

Conheça também: Otite média: O que é?

Alô Mãe Paulistana