A displasia do desenvolvimento do quadril (também conhecida pela sigla D.D.Q.) se refere a quadris instáveis. Nestes, geralmente a cobertura da cabeça do fêmur é insuficiente. É um quadro de gravidade variável, podendo haver desde pequenas alterações que podem passar despercebidas por um longo período até luxações francas, quando o quadril já nasce totalmente “desencaixado”. Suas causas não são totalmente conhecidas, sendo o histórico familiar um fator de risco importante.

Diagnóstico

No recém-nascido e nos bebês o diagnóstico é eminentemente clínico, é realizado com as manobras de Ortolani e de Barlow.

Tratamento

O Programa Municipal para Displasia do desenvolvimento (luxação) do quadril do Hospital Menino Jesus disponibiliza tratamento completo com equipe multiprofissional.

O tratamento da displasia do quadril está diretamente relacionado com a faixa etária da criança. Entretanto, em qualquer faixa etária, o objetivo do tratamento é melhorar o desenvolvimento da articulação. Quanto mais precoce o diagnóstico, menor a gravidade da displasia, melhores serão as chances de um bom resultado.

Ficou alguma dúvida sobre o programa? Entre em contato com a equipe do Alô Mãe para maiores informações.

0800 200 0202 (Segunda a Sexta das 8h às 20h e Sábados 08h às 17h)

 

*Programa disponível para os munícipes de São Paulo.

Referências:

http://rbo.org.br/detalhes/2/pt-BR/displasia-do-desenvolvimento-do-quadril-e-luxacao-displasica-do-quadril https://www.sbquadril.org.br/displasia-de-desenvolvimento-do-quadril/ https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-36162010000200002#:~:text=A%20terminologia%20%22Displasia%20do%20Desenvolvimento,graus%20de%20subluxa%C3%A7%C3%A3o%20da%20coxofemoral.