Essa é uma dúvida muito comum principalmente para as mães e pais de primeira viagem.

O pai tem o direito de participar do pré-natal e o direito de ter acesso ao acompanhamento da gestante no hospital e na maternidade.

Estudos apontam que a participação dos pais no pré-natal, ajuda na adaptação e preparação para assumir o novo papel, que é ser pai no âmbito familiar. Além fortalece vínculo com a gestante, proporcionando mais segurança frente as modificações físicas, hormonais e emocionais da mulher.

De acordo com a Lei nº 11.108, de 7 de abril de 2005, toda gestante tem o direito à acompanhante de sua escolha durante toda sua permanência na maternidade, inclusive durante o parto, independentemente de sexo.

Algumas observações são importantes frente a Pandemia Covid-19:

Segundo Nota técnica Nota Técnica nº 10/2020-COCAM/CGCIVI/DAPES/SAPS/MS – Atenção à Saúde do RN.

Acompanhantes: sugere-se a presença do acompanhante no caso de pessoa assintomática, com idade entre 18 e 59 anos e não contato domiciliar com pessoas com síndrome gripal ou infecção respiratória comprovada por SARS-CoV-2.

Acompanhantes e visitantes: naqueles locais onde os espaços de alojamento conjunto são compartilhados, sugere-se suspender visitas e a presença de acompanhante, como medida de redução da aglomeração e proteção à mãe e recém-nascido internados.

Nos locais em condição de promoção do distanciamento entre os internados, ou com acomodações privativas, recomenda-se a manutenção de acompanhante único, regular, desde que assintomático, com idade entre 18 e 59 anos e não contato domiciliar de pessoa com síndrome gripal ou infecção respiratória comprovada por COVID-19.

 

Referências

Ministério da Saúde. Atenção ao Pré-Natal de Baixo Risco. Série A. Normas e Manuais Técnicos Cadernos de Atenção Básica, n° 32 Brasília, 2012.

PICCININI, Cesar Augusto Piccinini; SILVA, Milena da Rosa; GONÇALVES, Tonantzin Ribeiro, et al.O Envolvimento Paterno durante a Gestação. Psicologia: Reflexão e Crítica, 2004, 17(3), pp.303-314.

Nota Técnica nº 10/2020-COCAM/CGCIVI/DAPES/SAPS/MS – Atenção à Saúde do RN. (https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/wp-content/uploads/2020/04/notatecnica102020COCAMCGCIVIDAPESSAPSMS_003.pdf)