A Associação Brasileira de Odontopediatria, enfatiza  a importância de medidas preventivas e educativas na infância, para isso, é importante  o acompanhamento adequado com um profissional a partir dos primeiros anos de vida.

A cárie dentária em crianças pode se manifestar de forma grave, levando à destruição completa da coroa dentária em um tempo extremamente pequeno e interferindo negativamente na qualidade de vida da criança.

Quais são os efeitos de cáries na infância?

  • Perda dos dentes;
  • Problemas de audição e de fala;
  • Dentes permanentes tortos;
  • Dor muito forte.

Açúcares em geral e a ausência de higienização são facilitadores para a presença da cárie. Contudo, veja alguns cuidados para a prevenção da cárie na infância:

A primeira consulta odontológica deve ser entre 6 meses e 1 ano de idade, como o objetivo de trabalhar os fatores de risco e promover ações preventivas.

Após o surgimento do primeiro dente, deve-se iniciar com a higienização bucal do bebê de forma apropriada para a idade.

É importante aconselhar ao demais familiares que evite  assoprar os alimentos, colocar a chupeta do bebê na boca e beijar a criança na boca. Esses cuidados previne a transmissão de microrganismos.

A mamadeira deve ser apenas um veículo para o aleitamento artificial. Outros líquidos como água, suco, chá, devem ser oferecidos no copo. Além disso, o uso da mamadeira nunca deve ser associado ao sono.

Como realizar o acompanhamento odontológico na rede pública de saúde?

Os postos de saúde atendem todas as faixas etárias. Procure pelo posto de saúde mais próximo de sua residência que conta com serviço de saúde bucal.

 

Alô Mãe Paulistana